terça-feira, 18 de maio de 2010

No Amazonas, 850 kg de peixes e 32 animais silvestres são apreendidos em fiscalização

MANAUS - Cerca de 850 kg de peixe e 32 animais silvestres mortos e vivos (quelônios e porcos-do-mato) foram encontrados pelos agentes do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), durante fiscalização na confluência dos Rios Negro e Branco, no Amazonas. A ação contra a caça e a pesca ilegal aconteceu graças a denúncias. Os infratores receberam mais de R$ 66 mil em multas.

A área fiscalizada se estende entre os municípios de Manaus e Barcelos e inclui partes da Área de Proteção Ambiental (APA) do Rio Negro, Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Rio Negro, Parque Estadual Rio Negro, Parque Nacional Anavilhanas, Reserva Extrativista do Rio Unini e Parque Nacional do Rio Jaú.

Os animais vivos foram soltos no Rio Negro e os abatidos (20 porcos-do-mato) foram doados às comunidades ribeirinhas de Remanso, Moura, Caioezinho e Bacaba। A ação ocorreu entre 30 de abril e 8 de maio।

Nota: Sempre as denúncias fazem a diferença. Infelizmente, alguns animais estavam mortos. Indivíduos que deveriam pagar muito mais que apenas multas, pois tiraram a vida de diversos animais. Por isso, qualquer irregularidade que você perceber faça a denúncia.

portalamazônia.com

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Receita da semana

Vídeo da Semana

Comercial do Mês

Vamos Refletir