domingo, 2 de maio de 2010

Moradores protestam contra extermínio de gatos em Vila Velha

Um grupo de moradores do bairro Itapoã, em Vila Velha, realizou um protesto curioso na manhã deste sábado (01). Segundo eles, animais em situação de abandono têm sido vítimas de um verdadeiro massacre. Os manifestantes dizem que, nos últimos dias, pelo menos quinze gatos foram mortos envenenados e foram postos em ruas para serem atropelados.
foto: Eduardo Fachetti GAZETA ONLINEProtesto gatos - Norma Silvia de Melo
A representante comercial Norma Sílvia de Melo tem dez gatos em casa। Todos eles foram retirados das ruas de Itapoã e cuidados। Ela é uma das defensoras dos animais e denuncia a matança। "Infelizmente não sabemos quem faz isso, mas é um crime। É preciso entender que a matança dos animais tem ligação com a falta de amor entre as pessoas, é um reflexo da violência urbana। Alguém tem que enxergar isso", afirmou।

Colaboradora da Sociedade Protetora dos Animais do Espírito Santo (Sopaes), a dona de casa Maria Helena Dibe também foi para as ruas protestar. Os manifestantes, usando roupas pretas em sinal de luto, levaram faixas e até um megafone para chamar a atenção das pessoas que passavam pela Avenida Gil Veloso.

"É um absurdo o que estão fazendo. Os gatos não fazem mal a ninguém, têm o direito de viver. Além disso, desde que começou essa matança, convivemos com ratos no bairro. É a lei natural, os gatos matam os ratos", afirmou Maria Helena.
GAZETA ONLINE

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Receita da semana

Vídeo da Semana

Comercial do Mês

Vamos Refletir