domingo, 7 de junho de 2009

Polícia fecha rinha de galo com mais de 80 pessoas no Espírito Santo


Uma denúncia anônima feita ao Centro Integrado Operacional de Defesa Social (Ciodes) levou as polícias Militar e Ambiental a fecharem um galpão que funcionava para a prática de rinha de galo. O caso foi registrado no fim da tarde deste sábado, no bairro Mucuri, em Cariacica, no Espírito Santo. No total, 41 animais foram apreendidos.
Investigadores do Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) do município informaram que esta seria a primeira vez que o proprietário dos galos utilizava o espaço alugado para promover a rinha. Quando a polícia chegou ao local, cerca de 80 pessoas, que apostariam nos animais durante a briga, se dispersaram.
O "promotor do evento", no entanto, foi detido pelos policiais e conduzido, posteriormente, ao DPJ de Cariacica. Ele prestou depoimento, foi autuado por maus tratos de animais, mas assinou um termo circunstanciado e foi liberado.
Investigadores informaram que os galos apreendidos durante a ação foram levados para a 1ª Companhia da Polícia Ambiental de Cariacica. Um dos animais teria morrido em decorrência dos ferimentos da rinha.
Fonte: Gazeta online/ O Globo

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Receita da semana

Vídeo da Semana

Comercial do Mês

Vamos Refletir