sexta-feira, 15 de outubro de 2010

A desobediência canina: uma questão de liderança

Por Guilhermo Coelho


Se o seu cachorro não te respeita quando você diz "não" ou lhe dá um comando, ele pode não entender o que você quer que ele faça ou, simplesmente, estar se negando a executá-lo. Se você deu início à educação do seu cachorro e tem consciência de que ele já respondeu àquele comando, tente praticar um pouco mais com ele. Entretanto, se ele se nega a atender, você pode estar diante de um problema de dominância.

Os cachorros, de acordo com o seu instinto, devem se encaixar numa hierarquia dentro do grupo em que vivem. Considerando que a matilha em questão é a sua familia e o chefe dessa matilha é você mesmo, o fato de o seu cachorro estar desafiando ou questionando o seu papel de mestre mostra que há alguma coisa muito errada aí. Olhe para as atitudes dele: o seu cão é do tipo folgado, que quer deitar na sua cama ou no seu lugar no sofá? Ele tenta roubar comida e pôr as patas na mesa na hora da refeição? Ele é agressivo com outras pessoas e outros cães? Ele quer prioridade e atenção o tempo todo e se mostra teimoso para tudo? Ele quer medir forças com você?

Esses comportamentos tão incômodos têm origem em algo difícil de acreditar; mas, acredite ou não:

O seu cão pensa que é seu dono!

Primeiro você precisará entender que o cachorro não precisa se sentir o líder para ser feliz. O que ele precisa é de um papel estável na hierarquia da casa. Se ele tem consciência e certeza de que você está lá para protegê-lo e cuidar dele e, ainda por cima, você é seu melhor amigo, ele será o cão mais tranquilo e feliz do mundo na posição de dominado. Mas, se ele acredita que a matilha está sem lider e sem defesa, a sua vida se torna estressante, pois ele passa a querer buscar essa liderança.

Para que ele se sinta num clima de conforto e segurança, você terá que tomar atitudes (simples, na sua grande maioria) para que ele passe a confiar em você como chefe. E, além de ter você como chefe, o seu cão também precisa se localizar na hierarquia diante dos outros membros da sua família.

Para ajustar o comportamento do seu cão nesse sentido, é preciso começar imediatamente. Desde filhotinho, deve-se ter a atitude correta; e, se ele já é adulto, trata-se de uma razão ainda maior para começar hoje mesmo! As atitudes corretas devem ser tomadas com o apoio do reforço positivo, para que a relação entre vocês se construa num clima de confiança e amizade, e não de batalhas diárias pelo melhor lugar diante da TV.

No meu próximo artigo, eu vou lhe dar dicas essenciais para orientá-lo no estabelecimento pacífico da sua liderança diante do seu cão, sem nenhuma perda para a sua relação de amizade com ele. Não perca!

Fonte: AdestradorAmigo.com

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Receita da semana

Vídeo da Semana

Comercial do Mês

Vamos Refletir