sábado, 1 de maio de 2010

Saiba como fazer a higiene bucal do seu animal

Foto: Fábio Seixo


Cães e gatos também precisam cuidar da higiene oral. Caso contrário, o resultado é um mau hálito que nem o mais apaixonado dos donos aguenta. A boa notícia é que o problema tem tratamento.
A chamada halitose é causada pela instalação de bactérias em tecidos como a gengiva e que provocam o acúmulo de tártaro e mau cheiro.

De acordo com a veterinária Mariana Cardozo Pereira, à medida em que a carga bacteriana vai aumentando, ela pode migrar para a corrente sanguínea e levar a problemas graves para cães e gatos.

— A endocardite bacteriana é um dos problemas cardíacos que podem surgir, além de outras complicações nos rins, fígado e articulações dos animais — explica Mariana.

O aumento do tártaro agride a gengiva e as demais estruturas que fixam o dente. Com isso, eles podem ficar soltos e cair.

Para evitar o problema, a veterinária Mariana Pereira aconselha escovar os dentes do animal pelo menos uma vez por semana. Caso o dono tenha disponibilidade, pode fazer a escovação todos os dias. Além disso, é indicado procurar, uma vez ao ano, um tratamento de limpeza em uma clínica veterinária. No procedimento, o bicho é anestesiado, todo o tártaro é removido e os dentes passam por um polimento. Esse tratamento, no entanto, não é indicado para todos os animais.

— Há cães que têm os dentes perfeitos e não precisam da remoção. Mas a indicação é a partir dos 4 anos — diz Mariana.

Ossos e alguns tipos de rações ajudam a prevenir a formação de tártaro, mas não substituem a escovação।

Fonte: Extra Online

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Receita da semana

Vídeo da Semana

Comercial do Mês

Vamos Refletir