quinta-feira, 4 de junho de 2009

Pássaro usa o corpo como 'dique' para salvar filhotes de inundação



A fêmea tordoveia (pássaro do gênero Turdus) havia construído seu ninho próximo à abertura de um cano de escoamento, bloqueando a passagem da água. O ninho estava protegido do mau tempo, à sombra do telhado, mas ficou tão colado ao encanamento que a calha alagou com a chuva.
Desesperada para proteger seus filhotes, ela estufou o próprio corpo, que ficou duas vezes o seu tamanho, e sentou na calha para conter o fluxo da água, que já encharcava o ninho.
As imagens foram capturadas pelo fotógrafo da vida selvagem Dennis Bright, em uma casa no condado de Hampshire, sul da Inglaterra. Bright disse que ficou espantado com o comportamento da mãe tordoveia. "Foi uma questão de segundos até o cano inundar, e a água começou a cascatear para os lados." Bright ficou maravilhado com a engenhosidade do animal."Ela tinha que encontrar uma solução, então se estufou tanto que ficou do dobro do tamanho do parceiro, aí usou o corpo como uma barragem para parar a água - foi simplesmente espetacular", disse Bright.E completou, "ela estava muito dedicada, se mantendo ali mesmo quando a chuva batia pesado. Então a cada meia hora ela saía, se secava e voltava."
Ela estava tão ocupada com sua tarefa que seu parceiro se encarregou de manter ela e a cria alimentadas."O macho pôs-se a trabalhar - alimentava os filhotes e a fêmea enquanto ela continha a água. Tenho muita sorte de ter testemunhado algo tão raro e especial", contou o fotógrafo.Hester Phillips, da RSPB (Sociedade Real de Proteção aos Pássaros), disse nunca ter visto uma situação igual, mas não pareceu surpresa com o ocorrido: "Os pássaros podem ser criaturas muito fortes - sua resistência é impressionante - especialmente quando protegem sua cria".
Tradução: Eduardo Hegenberg (da Redação)
Fonte: Telegraph.co.uk

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget

Receita da semana

Vídeo da Semana

Comercial do Mês

Vamos Refletir